SINDPESP
NOTA DE REPÚDIO II
//////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////
2/3/2017 - / Por
 
 

Sindicato dos Delegados de Polícia do Estado de São Paulo repudia a declaração do Governador do Estado de São Paulo, Geraldo Alckmin, veiculada em reportagem da TV TEM São José do Rio Preto , no Noroeste Paulista. Ele afirma ser desnecessária a presença de Delegado de Polícia
em cidades pequenas e que nesses locais o delegado deveria pescar.

Além de jocosa e desrespeitosa, a manifestação do Governador revela que ele desconhece a natureza da função do Delegado de Polícia e não é à toa que a Segurança Pública entra em colapso em São Paulo e deixa a população à mercê da criminalidade crescente. O Delegado de Polícia, assim como todas as carreiras da Polícia Civil, não são meros registradores de ocorrência. São os responsáveis pela investigação de crimes, a fim de que sejam punidos os responsáveis por delitos conforme os ditames legais. É notório que o interior paulista já foi tranquilo e que seus habitantes hoje alteram seus hábitos para se defenderem da violência, do tráfico de drogas e das explosões de caixas eletrônicos.

O sucateamento da Polícia Civil vem ocorrendo há décadas, já que as ínfimas contratações não superam o número de aposentadorias e exonerações. Sequer acompanha o crescimento populacional do Estado. E novamente, a anunciada contratação de cerca de dois mil policiais civis não solucionará o problema, já que o déficit de funcionários alcança nove mil cargos vagos e até o final do ano de 2017, mais dois mil outros policiais civis pedirão aposentadoria, tornando inócua a medida anunciada. Não sabe o Governador que somente 3% dos policiais civis tem menos de 30 anos de idade e 44% tem mais de 50 anos? Desconhece que estamos perto de ter quase 44% dos delegados de polícia na terceira idade?

Governo do Estado de São Paulo, por meio de sua política de segurança equivocada, nega à população paulista o direito de ter os crimes, dos quais fora vítima, investigados pela Polícia Civil.

Em algumas regiões houve a propositura de ações civis públicas para que o Governo cumprisse seu dever de fornecer uma investigação eficiente e de qualidade à população, a partir de contratação de policiais civis. Quando o Governo não cumpre suas obrigações, a judicialização da demanda é necessária.

Com dinheiro em caixa, afinal São Paulo fechou 2016 com superávit de 1,5 bilhão, o Estado se nega a proporcionar ao cidadão paulista à investigação de crimes, realizada pela Polícia Civil, incorrendo em improbidade administrativa. A gravidade do quadro demonstra que tanto a judicialização da demanda quanto a participação da população são as únicas formas de se evitar o colapso da Segurança Pública em São Paulo, já que o atual Governo insiste em adotar uma política equivocada, cujo resultado tem sido o aumento do índice de criminalidade e o crescimento do PCC e do crime organizado como um todo.

O combate à violência e ao crime organizado só se faz com uma Polícia Civil forte.

Assista a reportagem no link http://g1.globo.com/…/justica-determina-que-estado-contrate…

 
 
 
1
25/2/2021 -
A Escola Superior de Direito Policial é a nova parceira do Sindpesp!

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

2
25/2/2021 -
O Sindpesp renova sua parceria com o Portal Delegados

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

3
23/2/2021 -
Sindpesp se reúne com deputado estadual Castello Branco para discutir o fortalecimento da Polícia Civil de São Paulo

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

4
23/2/2021 -
Polícia Civil encolhe quase 200 policiais no Governo Doria

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

5
22/2/2021 -
Sindpesp promove Webinar “Bate papo com o Jurídico”

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

6
22/2/2021 -
Elogio ao Dr. Luciano Samara Tuma Giaretta

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

7
17/2/2021 -
Renato Pupo diretor do Sindpesp e vereador de São José do Rio Preto fala da importância de vacinar os profissionais da segurança pública

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

8
17/2/2021 -
Sindpesp e Sinpcresp retomam atividades de mobilização na Alesp

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

9
16/2/2021 -
Delegados de Polícia nomeados desistem da Carreira

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

10
11/2/2021 -
Faça parte da Adepol do Brasil e fortaleça a classe dos Delegados de Polícia do país

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

11
11/2/2021 -
Sindpesp questiona a reavaliação do Adicional de Insalubridade dos Policiais Civis Paulistas e requer a adoção de providências pela Secretaria de Segurança Pública

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

12
9/2/2021 -
Sindpesp protocola ofício ao Delegado Geral a fim de averiguar os motivos da desistência de 78 investigadores nomeados

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

13
9/2/2021 -
A deliberada desvalorização da Polícia Civil de São Paulo

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

14
8/2/2021 -
Retrospectiva do Sindpesp Janeiro/2021

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

15
5/2/2021 -
Dia do Papiloscopista

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

   
   
   
   



SINDPESP - SINDICATO DOS DELEGADOS DE POLÍCIA DO ESTADO DE SÃO PAULO

Avenida Ipiranga, 919 - Conj. 1707 - 17º Andar - São Paulo, SP
sindpesp@sindpesp.org.br | 11-3337-4578




   
     
  + VISITADAS nos últimos 60 dias  
   
     
  Sindpesp questiona a reavaliação do Adicional de Insalubridade dos Policiais Civis Paulistas e requer a adoção de providências pela Secretaria de Segurança Pública  
.
  /////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////  
     
   
     
  A deliberada desvalorização da Polícia Civil de São Paulo  
.
  /////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////  
     
   
     
  Portal Delegados - Sindpesp questiona a reavaliação do adicional de insalubridade dos policiais civis  
.
  /////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////  
     
   
     
  Sindpesp protocola ofício ao Delegado Geral a fim de averiguar os motivos da desistência de 78 investigadores nomeados  
.
  /////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////  
     
   
     
  Retrospectiva do Sindpesp Janeiro/2021  
.
  /////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////  
     
   
     
  A Tribuna - Juiz manda fechar Palácio da Polícia, em Santos, em 15 dias  
.
  /////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////////